07 setembro 2005

Bom dia!

Bom, meu pai voltou ao médico neurologista há 1 semana e meia atrás.
Como a mudança na medicação não surtiu efeito desejado, ou seja, ele continuou com as alucinações, visões e sonhos reais, o médico resolveu tirar o Akineton.
Agora ele voltou a tomar o Prolopa e o Mantidan. São cinco doses de medicação por dia, sendo que não deveremos dar um intervalo entre o Prolopa e o Mantidan.

Ele está mais lúcido agora, mas ainda fica confuso algumas vezes durante o dia, e à noite acorda "azuado" querendo sair, dizendo que o quarto está cheio de gente, aquelas coisas que já contei aqui...

Agora estamos procurando alguém que possa cuidar dele, levar à fisioterapia, levar para caminhar... sair.

Por enquanto é só isto.

Pergunto novamente: alguém aí tem tido alucinações e muitas confusões com o Parkinson e suas medicações? Conseguiram controlar, não conseguiram? Contem-me.

Beijos.

Nenhum comentário: